CERIMONIAL

Apresentação

A Diretoria de Relações Institucionais (DRI), criada em 12/6/12 e subordinada à Secretaria da Presidência do Tribunal de Justiça, responde pela comunicação interna e externa do Poder Judiciário paulista no tocante às relações com as demais instituições sociais e o resguardo de sua história e tradições, zelando pela imagem da Corte e de seus membros em suas interações com o público e com os demais órgãos do Estado e da sociedade.

Essa diretoria, composta pelas Coordenadorias de Cerimonial, Relações Públicas, Museu, Apoio Técnico e de Logística, e Apoio ao Comitê de Ação Social e Cidadania, é responsável pela organização e execução dos atos e cerimônias protocolares de competência do Tribunal de Justiça, presididos pelo chefe do Poder Judiciário estadual; orientação aos magistrados sobre realização de solenidades oficiais do Poder Judiciário; recepção de autoridades em visita protocolar; intercâmbio e divulgação de informações de interesse dos magistrados, servidores e público em geral.

A Coordenadoria de Relações Públicas também é responsável pelos júris simulados e pelas visitas monitoradas ao Palácio da Justiça, ocasião em que é apresentado um relato sobre a história do Tribunal e visitação às principais dependências do Palácio.

A Coordenadoria de Museu tem o propósito de preservar e divulgar o patrimônio relacionado à vida e às tradições do Tribunal de Justiça possibilitando a perpetuação dos símbolos e objetos ligados à evolução histórica do Poder Judiciário do Estado, bem como a memória de ilustres personagens que fizeram parte de sua trajetória. O Museu é responsável pela criação de núcleos históricos permanentes e visitas monitoradas à sua sede “Palacete Conde de Sarzedas”, além da montagem de exposições temporárias e itinerantes.